Modern NYC

Para quem já foi outras vezes ou para quem é novo em New York, o turismo na cidade está renovado. Não basta mais ficar apenas em Times Square, 5Th Avenue, Lexington…. Agora os bairros tradicionais da cidade são a grande atração e diversão dos locais e turistas.

A New York hype, cool e moderna!!!! 

Para conhecer NYC como um verdadeiro novaiorquino, primeiro é aconselhável e necessário comprar o Metrocard para 7 dias (tempo que será suficiente para o tour). Custa US$32,00 para viagens ilimitadas. Vale muito a pena. 

Vamos à nossa aventura:

Harlen: O bairro das irresistíveis igrejas gospel com seus corais, está na moda. Os preços dos alugueis triplicaram nos últimos 10 anos. Mas se quiser se hospedar por lá, ainda é bem mais barato que Manhattan. Esqueça velhos paradigmas. Hoje o local é descolado. Uma boa sugestão é, se você estiver por lá no domingo, depois de ouvir um belo coral fazer seu brunch no Chéri (Malcolm X Boulevard). Na entrada ele tem a placa “Brunch é desculpa para beber antes do meio-dia”. Deliciosas mimosas (drink com suco de laranja e champagne) acompanham pratos tradicionais do local.  o “I Bike Harlen”é um  passeio de bicicleta de 4:30 hs e 15 KM. A guia é uma moradora filha e neta de moradores do bairro, ou seja, sabe toda história do local e mais um pouco!!! O passeio todo com direito a parada para comer (não inclusa no preço) custa US$87,00. Se preferir só o aluguel da bike o valor é US$20,00. 

Midtown: Etapa Norte da viagem, com direito ao quarteto fantástico: MoMA, Met, História Natural e Guggenheim… Os quatros principais museus da cidade. Tudo coladinho ao Central Park. Para ver o Central Park de uma maneira diferente, alugue uma bike no Harlen e entre pelo extremo Norte, na Rua 110. É o mesmo parque imponente cercado de arranha-céus , mas sem a multidão que fica no trecho da Rua 59. Você pode comprar o Citypass a US$126,00. Ele dá direito a 6 das 9 principais atrações do bairro, incluindo os museus, Empire State, Rockefeller Center, etcc  É só escolher! Reserve pelo menos dois dias, ainda tem a Brodway!!!!

Brooklyn: Esse já é descolado faz uma década. A Ponte do Brooklyn é seu maior cartão postal. Seus 2 Km devem ser cruzados a pé, sem pressa e de celular ou câmera nas mãos. O visual é incrível… um ícone de Nova York. Além da ponte, o bairro é cheio de brechós chiques e burburinho noturno regado com muita cerveja. É o reduto de restaurantes alemães!!!

Chelsea: Galerias de arte, mercadões maravilhosos onde se come muito bem, casas com seus tijolinhos vermelhos!!! Para muitos locais e visitantes, Chelsea é o bairro favorito! Lá está a High Line, um velho viaduto que foi transformado em parque suspenso. Uma grande sacada imobiliária!!! O espaço valorizou demais. Prédios chiques foram recuperados ao seu redor!!! Na hora do almoço tanto o Chelsea Market quanto o Eataly lotam. Ambos são mercados enormes que vendem os ingredientes e, para quem não quiser cozinhar, têm vários restaurantes… Um verdadeiro banquete!!

Aproveite as dicas e conheça New York City na sua essência, como ela realmente é!

Fonte: encarte de viagem do Jornal O Estado de São Paulo. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.